Saiba se vale a pena investir em um Pen drive para Celular

Hoje um pen drive é capaz até mesmo de revitalizar o computador, por meio do PC Flash. E a tecnologia vai ainda mais longe, investindo em modelos menores, destinados ao uso para celular. Isso parte de uma necessidade do consumidor de fazer backup dos arquivos do celular.

Por que vale a pena?

Primeiramente por causa do preço. O pen drive é uma alternativa mais barata do que um smartphone com memória interna maior. O Moto G de terceira geração, por exemplo, tem uma diferença de preço entre as versões de 8 GB e 16 GB de R$ 40, o mesmo preço de um  pen drive micro USB da SanDisk com o duas vezes mais memória.

Claro que tudo depende do modelo, mas de modo geral, a memória flash portátil acaba saindo mais em conta do que pagar por um smartphone com maior capacidade de armazenamento.

A mobilidade e versatilidade também são fatores pelos quais o pen drive  ganha pontos. O pen drive com micro USB – padrão usado nos celulares e tablets Android –  não depende de bateria, o que significa que você pode ter todos os seus filmes e músicas armazenados nele. Sem a necessidade de um tablet por exemplo. Assim é possível levar os arquivos armazenados para qualquer lugar e utilizá-los em qualquer gadget disponível.

 

A maneira fácil e cômoda com que o compartilhamento de dados é feito permite que os arquivos sejam transferidos mais rapidamente. É mais simples do que usar o cabo USB e conectar diretamente ao PC ou Mac e, mais rápido do que transferir por aplicativos como Dropbox e Google Drive.

E caso você precise armazenar dados confidenciais, é possível utilizar o SecureAccess para transferir e armazenar as pastas, impedindo que estranhos acessem suas informações sem a senha do seu smartphone. O iXpand para iPhone e iPad também faz backup de contatos para ocasiões de perda ou danos.

Não é necessário baixar nenhum aplicativo, a não ser um explorador de arquivos comum, que normalmente já está incluso nas configurações de fábrica do celular. Basta plugar e usar.

Mas como nem todos os smartphones são compatíveis, é preciso que o smartphone tenha suporte à tecnologia USB OTG (On The Go). Essa tecnologia está presente na maioria dos smartphones com sistema operacional Android e, para iPhone a partir do uso do pendrive adequado – como o iXpand –, mas ainda não pode ser usada em nenhum Windows Phone à venda no mercado.

O iXpand vem com um media player que não necessita do iOS para trabalhar. O que torna possível rodar vídeos e músicas diretamente na unidade, incluindo arquivos de formatos não compatíveis, como AVI, MKV e WMV. E mais: o usuário pode carregar vídeos e imagens nesses formatos sem gastar bateria, já que o pendrive possui bateria interna. Clicca aqui por mais: broffice.org/pc-flash

Pense também nos pontos negativos

É sempre bom ressaltar as resalvas e, além de não ser compatível com o alguns modelos de smartphone, em caso de queda do celular com o pen drive conectado, a porta USB poderá sofrer danos irreparáveis. Por exemplo, não será mais possível recarregar o aparelho ou transferir dados via cabo.

Além disso, existe o risco de transmissão de virus para os computadores, tablet e smartphones. Especialmente durante a transferência de arquivos em ambientes de trabalho ou estudo. Isso porque, assim como nos computadores, todo tipo de malware pode se espalhar por meio deles, colocando o smartphone – e todas as informações armazenadas ali – em risco.

Ainda que tenha pontos que podem ser melhorados, vale a pena investir em um pen drive para celular. Principalmente se a sua prioridade é armazenar e fazer backup de arquivos.

 

 

Leave a Reply