Autor: Miguel Lemos

Calorias? Esqueça elas, a chave para perder peso é saber as gorduras que você consome

 Descubra gorduras saudáveis ​​que o ajudarão a perder peso.

Há pessoas que quase fazem cultos para as dietas. Elas fizeram experiências sobre o que, quando e com que frequência podem comer. Apesar de todos os seus esforços, ainda são obesos. Uma razão inegável para isso é que a maioria das dietas não são eficazes a longo prazo. Pelo menos, não as dietas que conhecemos: o jejum quase total, os regimes com alto teor de proteína, os planos combinatórios… No início, mesmo a dieta mais absurda pode ter um efeito positivo, mas o que conta no fim não é o peso perdido, mas conservar o peso adequado.

Na primeira semana de uma dieta típica rigorosa, isto é, baixa em carboidratos e alta em gorduras boas e proteínas, mais de 70% da perda de peso pode ser devido à perda de água. A deficiência grave de carboidratos também diminui a taxa de metabolismo do corpo basal, o que, por sua vez, torna ainda mais difícil “queimar” o tecido adiposo. Quem persevera em uma dieta pode, no longo prazo, alcançar seu objetivo, embora muitas vezes o alcance às custas do tecido magro de seu corpo, especialmente o muscular. E uma vez que você relaxa sua disciplina de comer e seus hábitos de exercício físico, as células de gordura provavelmente serão as primeiras a reaparecer. Ai sim começa o ganho de peso novamente – e aumentará seu peso – mais do que quando a dieta começou. É muito mais fácil recriar gordura do que músculo. As pessoas que sofrem dietas restritas sucessivas, ele explica, tendem a sacrificar um pouco de tecido magro cada vez que repetem o ciclo.

Alguns estudos são radicalmente opostos aos métodos tradicionais de controle de peso, que giraram em torno da redução de calorias e não de gordura. Se 3.500 calorias forem consumidas menos do que o habitual – principalmente diminuindo a ingestão de carboidratos – a receita convencional aconselha, então, metade do quilo será perdido. Atualmente, os nutricionistas afirmam que existem calorias de diferentes tipos. Apenas três por cento da gordura contida na dieta é “queimada” durante os processos de digestão, transporte de sangue e armazenamento; O resto é convertido em gordura corporal. As gorduras podem ser transformadas em energia, é claro, mas não tão diretamente quanto os carboidratos.

Estudos nesta área mostram que, mesmo com dietas relativamente baixas em calorias – tão baixas quanto 1.500 calorias por dia – as pessoas podem se tornar obesas se a metade dessas calorias vierem da gordura. Nas dietas das pessoas no Ocidente, são incluídos alimentos com gordura em até 40 por cento – quatro vezes mais do que o corpo precisa.

Agora, a gordura não carece de virtudes. Ele isola o organismo e ajuda a conservar o calor corporal. Os ácidos graxos essenciais também desempenham um papel crítico no desenvolvimento de certos hormônios vitais para os processos metabólicos do organismo. No entanto, a dose adequada de gordura pode ser obtida com uma ingestão mínima entre 135 e 225 calorias de gordura – apenas 15 a 25 gramas – a cada dia.

Alimentos com gordura:

Muitos desses números são o que você esperaria: 100 por cento das calorias da manteiga e do óleo são gordas e 86 por cento dos óleos de coco e de palma, amplamente utilizados em alimentos processados; maionese contém 99,8 por cento de gordura; Molho tártaro (maionese com picles e alcaparras), 95; bacon, 68% em média; Queijo cremoso, 90; manteiga de amendoim, 75. Com a margarina você evita o colesterol que contém manteiga, mas ainda é 100% de gordura na sua composição calórica. E aqui está uma surpresa: o tofu, que muitos entusiastas da dieta consideram um alimento naturista, contém 53% de gordura, apesar do alto teor de proteína. Mesmo os vegetais e os vegetais contêm gordura, embora na maioria dos casos isso não exceda dez por cento. Em quase todas as frutas, as calorias de origem gordurosa representam menos de cinco por cento. Uma batata assada tem apenas um por cento de gordura, mas se você adicionar duas porões de manteiga, em seguida essa batata conterá mais de 40 por cento de substâncias gordurosas.

O açúcar e os amidos, que são carboidratos e são o principal combustível do corpo, são frequentemente culpados por associação, porque tendemos a comê-los misturados com gordura. Coma um pedaço de barra de chocolate e o corpo queimará o açúcar, mas guardará a gordura. O Fettucine a Alfredo engorda muito, mas não por causa do macarrão, mas por causa do molho, que é abundante em manteiga e creme.

Muitos atletas, cujas atividades exigem grande resistência, triunfam graças aos amidos, porque descobriram que os carboidratos complexos são transformados em energia. A gordura extra torna-se excesso de peso.

Não sugerimos que as calorias fornecidas pelos carboidratos não tenham que ser consideradas. Se consumidas em quantidades excessivas, o corpo irá converter em gordura o que não pode usar ou armazenar como glicogênio. No entanto, se sua dieta é baixa em gorduras ricas, é muito provável que você possa comer carboidratos toda a sua vida sem ganhar peso.

Especialistas recomendam uma dieta com pouca gordura e rica em carboidratos, combinada com um programa sistemático de exercícios. Em suma, uma pessoa normal mudará seu fettuccini a Alfredo para brócolis? Talvez, se o efeito negativo do excesso de gordura for considerado e tido em estima: um organismo obeso, cansado, fraco e insalubre. Por outro lado, o brócolis é um excelente alimento para aqueles que precisam perder peso.

Lesões faciais e suas consequências

das mulheres é ainda pior, pois os padrões de beleza são muito mais exigentesMuitas pessoas carregam no rosto a consequência de uma lesão facial causada por um acidente de carro ou talvez por um golpe recebido durante a prática de algum esporte. Uma das mais frequentes é a ruptura ou torção do septo nasal.

Embora alguns atores famosos sejam conhecidos por seu “nariz de boxeador”, a verdade é que esta característica não favorece muito e só agrada a certas pessoas. Para a maioria é um defeito que pode ser suportado, mas não algo realmente atraente.

O caso das mulheres é ainda pior, pois os padrões de beleza são muito mais exigentes. O nariz pode mudar completamente a aparência de todo o rosto e tirar a harmonia e a beleza.

Não viva com complexos

A solução para este problema vem de mãos dadas com a cirurgia plástica, mas é verdade que muitas pessoas têm medo de entrar em um centro cirúrgico para retocar o nariz. Uma cirurgia mal realizada pode ser ainda pior do que um septo ligeiramente torcido ou um calo decorrente de uma ruptura.

Portanto, o primeiro passo é escolher bem os especialistas que se encarregarão do problema. Escolha profissionais que conheçam muito bem o terreno em que estão pisando e mostrem ao paciente uma visão muito realista do que é concretamente possível em seu caso específico.

Os especialistas em lesões faciais são os melhores e conhecem as técnicas mais avançadas. É possível corrigir o nariz que traz sequelas de algum golpe e também cuidar de lesões muito mais graves, que afetam as maçãs do rosto ou as mandíbulas.

Graças a essa intervenção, é possível recuperar o equilíbrio do rosto e torná-lo bonito novamente e, assim, devolver ao paciente a confiança em sua aparência física e a felicidade de se olhar novamente no espelho.

Estética e funcionalidade

Quando se trata de operar lesões faciais, a estética é muito importante e a funcionalidade também. É fundamental que o cirurgião não prejudique esta funcionalidade e, se possível, ajude a recuperá-la para que tudo seja o mais normal possível.

Para obter os melhores resultados, recomenda-se não esperar e ser operado o mais rápido possível. Uma fratura recente é sempre mais fácil de corrigir do que outra que já tenha muitos anos de história.

Cinco Segredos de beleza antienvelhecimento

Todos sabemos que o envelhecimento é um processo natural, no entanto muitas pessoas vão gastar muito dinheiro para manter uma aparência jovem. Isso pode ser feito simplesmente com um estilo de vida saudável. Assim que possível, comece um estilo de vida saudável e cuide adequadamente sua pele, mais saudável ela será. Além disso, os sinais de envelhecimento, como as linhas de expressão, a flacidez da pele, as rugas, manchas da idade, ou os pés de galinha, serão adiados.

O envelhecimento é inevitável, mas isso não significa que você não pode parecer mais jovem do que realmente é. Há muitos segredos de beleza que podem reduzir uns anos de sua aparência, especialmente no seu rosto.

Cinco Segredos de beleza antienvelhecimento

1. Continue um regime de cuidados com a pele

Independentemente de sua idade, precisa continuar um regime de cuidados com a pele para que ela fique saudável. Quando a pele está saudável, não revela traços de envelhecimento. Lave seu rosto todos os dias com um sabonete suave, tanto de manhã como de noite. Isso manterá sua pele limpa, lisa e livre de detritos que obstruem seus poros.

Ao comprar um sabonete de pele, evite aqueles com alto teor de álcool e outros agentes de secagem. Aplique um creme hidratante de qualidade em seu rosto, pescoço, mãos e pernas algumas vezes ao dia. Isso ajudará a prevenir a secura da pele e o envelhecimento também. Esfolie a pele uma vez por semana com um esfoliante facial suave. Isso incentivará a renovação celular da pele, tornando sua pele mais jovem. Também ajudará a eliminar as células mortas da pele, suportando uma pele macia, saudável, brilhante e fresca.

2. Escolha produtos de cuidados com a pele com prudência

Muitas pessoas cometem o erro de usar o tipo de produtos de cuidados da pele errado. Isso pode causar formigueiro, coceira, secura e irritação. É simples contornar isso. Determine seu tipo de pele através da análise da sua zona T e selecione os produtos adequados para mantê-la saudável e jovem. Além disso, evite o uso de muitos cosméticos.

Quando os seus vinte anos passarem, use produtos com retinol, péptidos e antioxidantes. Retinol promove o aumento da produção de colágeno e flexibilidade. Os péptidos incentivam a produção de colágeno e o reparo celular, o que vai ajudar a conseguir uma pele mais jovem. Os antioxidantes protegem a pele do sol e aceleram o sistema de reparação natural da pele. Se você tiver alguma dúvida, sempre e em todos os momentos você pode pedir a um dermatologista para ajudar a localizar os produtos adequados às suas necessidades de cuidados da pele.

3. Use protetor solar todos os dias

O protetor solar é a melhor ferramenta antienvelhecimento recomendada pelos especialistas em beleza. Seja verão, inverno, outono ou dias chuvosos, você não deve sair de casa sem aplicar um protetor solar de qualidade nas partes expostas do seu corpo. A exposição excessiva a radiações ultravioletas prejudiciais do sol (UV) pode danificar a pele, particularmente sua elastina, e causar uma perda de colágeno. Isso, por sua vez, pode dar origem a manchas solares, rugas, secura, pele áspera e queimaduras solares.

Aplique um protetor solar todos os dias, mesmo no inverno. Para conseguir os máximos benefícios do antienvelhecimento, certifique-se de aplicar protetor solar em seus ouvidos, pescoço, pernas e mãos, assim como seu rosto.

4. Dormir o suficiente

Para manter-se jovem ao longo dos anos, tenha entre sete a oito horas de sono diariamente, sem exceção. Na verdade, o sono é considerado o tratamento rejuvenescedor mais poderoso de sempre.

Quando você adormece, os níveis de adrenalina e corticosteroides caem, e o corpo começa gerando o hormônio do crescimento. É aí que o processo de reparo e o desenvolvimento das células são gerados.

Se você não dormir o suficiente, esta função se modifica, originando inflamações, que são as principais causas de muitos sinais de envelhecimento, como rugas, pele flácida e estreias. Um bom descanso também tem muitos benefícios para a saúde, como a boa memória, humor, atenção e concentração, mas também com uma redução no risco de ataque cardíaco e acidente vascular cerebral.

Para dormir bem, mantenha um horário regular, evite bebidas com cafeína antes de ir para a cama, tome um banho morno com algumas gotas de óleo de aromaterapia, e durma na cama com travesseiros na posição vertical.

5. Exercício diário

O exercício é bom para seu corpo e sua mente. O exercício regular melhora o fluxo sanguíneo e mantém a pele saudável e brilhante. Também regula hormônios e promove o sono.

Segundo uma pesquisa, o exercício tem uma ação potencial anti-inflamatória, e reduz o risco de desenvolver doenças inflamatórias, como doença cardíaca e obesidade. O exercício também combate a perda de força, força muscular, equilíbrio e densidade óssea, a qual aumenta com a idade.

Faça algum tipo de atividade física por vinte a trinta minutos por dia. Algumas atividades que podem ajudar a diminuir o processo de envelhecimento são caminhadas, dança, ciclismo, jardinagem e até tarefas domésticas. Aulas aeróbicas e ioga também funcionam muito bem.

Espero que essas dicas o ajudem a parecer brilhante, saudável e jovem.

Saiba se vale a pena investir em um Pen drive para Celular

Hoje um pen drive é capaz até mesmo de revitalizar o computador, por meio do PC Flash. E a tecnologia vai ainda mais longe, investindo em modelos menores, destinados ao uso para celular. Isso parte de uma necessidade do consumidor de fazer backup dos arquivos do celular.

Por que vale a pena?

Primeiramente por causa do preço. O pen drive é uma alternativa mais barata do que um smartphone com memória interna maior. O Moto G de terceira geração, por exemplo, tem uma diferença de preço entre as versões de 8 GB e 16 GB de R$ 40, o mesmo preço de um  pen drive micro USB da SanDisk com o duas vezes mais memória.

Claro que tudo depende do modelo, mas de modo geral, a memória flash portátil acaba saindo mais em conta do que pagar por um smartphone com maior capacidade de armazenamento.

A mobilidade e versatilidade também são fatores pelos quais o pen drive  ganha pontos. O pen drive com micro USB – padrão usado nos celulares e tablets Android –  não depende de bateria, o que significa que você pode ter todos os seus filmes e músicas armazenados nele. Sem a necessidade de um tablet por exemplo. Assim é possível levar os arquivos armazenados para qualquer lugar e utilizá-los em qualquer gadget disponível.

 

A maneira fácil e cômoda com que o compartilhamento de dados é feito permite que os arquivos sejam transferidos mais rapidamente. É mais simples do que usar o cabo USB e conectar diretamente ao PC ou Mac e, mais rápido do que transferir por aplicativos como Dropbox e Google Drive.

E caso você precise armazenar dados confidenciais, é possível utilizar o SecureAccess para transferir e armazenar as pastas, impedindo que estranhos acessem suas informações sem a senha do seu smartphone. O iXpand para iPhone e iPad também faz backup de contatos para ocasiões de perda ou danos.

Não é necessário baixar nenhum aplicativo, a não ser um explorador de arquivos comum, que normalmente já está incluso nas configurações de fábrica do celular. Basta plugar e usar.

Mas como nem todos os smartphones são compatíveis, é preciso que o smartphone tenha suporte à tecnologia USB OTG (On The Go). Essa tecnologia está presente na maioria dos smartphones com sistema operacional Android e, para iPhone a partir do uso do pendrive adequado – como o iXpand –, mas ainda não pode ser usada em nenhum Windows Phone à venda no mercado.

O iXpand vem com um media player que não necessita do iOS para trabalhar. O que torna possível rodar vídeos e músicas diretamente na unidade, incluindo arquivos de formatos não compatíveis, como AVI, MKV e WMV. E mais: o usuário pode carregar vídeos e imagens nesses formatos sem gastar bateria, já que o pendrive possui bateria interna. Clicca aqui por mais: broffice.org/pc-flash

Pense também nos pontos negativos

É sempre bom ressaltar as resalvas e, além de não ser compatível com o alguns modelos de smartphone, em caso de queda do celular com o pen drive conectado, a porta USB poderá sofrer danos irreparáveis. Por exemplo, não será mais possível recarregar o aparelho ou transferir dados via cabo.

Além disso, existe o risco de transmissão de virus para os computadores, tablet e smartphones. Especialmente durante a transferência de arquivos em ambientes de trabalho ou estudo. Isso porque, assim como nos computadores, todo tipo de malware pode se espalhar por meio deles, colocando o smartphone – e todas as informações armazenadas ali – em risco.

Ainda que tenha pontos que podem ser melhorados, vale a pena investir em um pen drive para celular. Principalmente se a sua prioridade é armazenar e fazer backup de arquivos.

 

 

Jogos para Android: o que eu posso jogar?

Com certeza os celulares com sistema Android não inventaram os jogos para dispositivos móveis. Os mais antigos vão lembrar perfeitamente do jogo da cobrinha, presentes nos celulares da Nokia e que eram simplesmente viciantes. Mas em 2008, quando o Google lançou o sistema para o mundo, uma nova era foi iniciada, com os jogos para Android evoluindo e evoluindo até chegar ao patamar atual, sem perspectivas de estagnação.

Segundo o Google, há mais de um milhão de aplicativos na Google Play e mais de 1 bilhão de usuários ativos, número muito maior que os concorrentes da Apple ou Windows Phone, entre outros. E isso se manifesta claramente no “cardápio” de jogos. Como há muita mais gente, os desenvolvedores focam em jogos para Android para lucrar e chegar a um grande público e por isso tivemos produtos tão bons nos últimos anos.

Ainda há jogos que não desenvolveram tanto em relação ao jogo da cobrinha (Snake), o que não quer dizer que isso não seja interessante. Mas também há os jogos que são inovadores e entraram na cultura pop com toda força. Até porque se há um bilhão de usuários como clientes em potencial, você pode fazer um jogo em sua casa e pouco tempo depois se tornar o dono de um aplicativo multimilionário, algo que já aconteceu.

Jogos para Android: casos de sucesso

Angry Birds é um desses jogos que estão com toda força. Inicialmente lançado para o sistema iOS, o sucesso dele fez os desenvolvedores expandirem e o Android foi um dos focos para o crescimento. O propósito do jogo é simples: usar um estilingue que joga pássaros para derrubar porcos. Mas a história simples se desenvolveu e o jogo foi para os videogames e ganhou até um filme lançado em cinemas.

Outro que entrou com tudo na cultura pop foi o Pokemon Go. O anime japonês que já tinha sido um sucesso na televisão e nos gameboys da criançada nos anos 2000, virou um aplicativo com geolocalização que você sai caçando pokemons pela cidade. Isso causou verdadeiro furor, com grupos de pessoas andando pelas cidades olhando para a tela em busca de um Pokémon específico. Até acidentes causou devido à falta de atenção dos mais desavisados.

Uma das razões para o sucesso desses jogos e muitos outros é o fato que os jogos para Android são muito fáceis de acessar e baixar. Em todos os celulares do sistema há um aplicativo chamado Play Store que é uma loja que conta com todos os aplicativos possíveis para o seu celular, pagos ou não.

Onde eu baixo?

E ali mesmo há destaque para os jogos, de todo tipo, tamanho e dificuldade. Muitos deles inclusive são de graça, para ajudar ainda mais na popularização.  O próprio Angry Birds é gratuito para baixar. Entre outros jogos de sucesso estão The Walking Dead, inspirado na série americana de sucesso, Transformers – também com inspiração externa, nesse caso a franquia de filmes -, Black Survival, Magic Tiles, entre outros. Ou seja,  tem jogos para os adultos, para as crianças, para a família, educativos, de entretenimento,de tiro ou de construção de cidades, enfim, uma variedade incrível para você na ponta de seu dedo.

Depois disso, é só esperar o download acontecer e pronto, o jogo está no seu celular e pronto para ser jogado. Mas assim como com um computador, que você só tem um espaço pré-determinado e depois precisa ficar limpando e usando ferramentas como o PC Flash (obtenga pc flash aqui: conectiva.com/pt-br/gadgets-pt-br/pc-flash), para liberar sua máquina, não adianta baixar muitos jogos para Android e depois reclamar que seu celular está lento. Como sempre moderação é mais do que indicado.

 

Conheça o goji berry: para que serve, benefícios e contraindicações

A fruta goji berry é cultivada na Ásia, na região da China e do Tibete, há muitos anos. Ela é utilizada com fins medicinais e acredita-se que congrega inúmeros benefícios à saúde. Nos últimos anos, ela ficou conhecida por causa de seu suposto poder emagrecedor. Algumas pessoas afirmam que o goji ajuda a emagrecer, mas não existem pesquisas científicas a respeito. Aqui você vê tudo sobre o goji berry: para que serve, benefícios e contraindicações.

Goji Berry: para que serve a frutinha asiática?

Quando consumida todos os dias (uma colher de sopa por dia é suficiente e tem cerca de 150 calorias), acredita-se que o goji possa facilitar a perda de peso, fortalecer o sistema imunológico, prevenir doenças e beneficiar a saúde do organismo todo. Isso porque o goji tem uma série de nutrientes essenciais, incluindo vitaminas, minerais, proteínas, fibras, ácidos graxos essenciais, aminoácidos e antioxidantes.

A medicina tradicional chinesa usa o goji para tratar diversas enfermidades, e acredita que ela pode prolongar a vida, considerando-a o fruto da longevidade. Vinda da Ásia, o goji só é encontrado no Brasil na sua forma desidratada, devendo ser consumido com líquidos para que todos os nutrientes fiquem intactos.

Mas afinal, goji berry: para que serve e quais seus benefícios verdadeiros?

Ainda não foram feitas pesquisas que comprovem a sabedoria popular sobre o goji. Mas a população que consome a fruta há muito tempo concede a ele os seguintes benefícios:

  1. Fortalece o sistema imunológico, pois é cheio de vitamina C,que é responsável pelo número de glóbulos brancos do organismo.
  2. Facilita a perda de peso, pois, rico em fibras, pode saciar a fome e concede a energia necessária fazer atividade física todos os dias;
  3. Combate a celulite, já que tem substâncias anti-inflamatórias;
  4. Reduz o colesterol ruim;
  5. Previne o câncer;
  6. Prolonga a vida das células;
  7. Protege o sistema nervoso central, prevenindo o aparecimento de doenças neurológicas;
  8. Melhora o aspecto da pele;
  9. Melhora a saúde dos olhos e trata algumas enfermidades relacionadas à visão;
  10. Proporciona energia e bem-estar.

 

Quais são as contraindicações do goji berry?

Agora que você sabe goji berry para que serve, deve saber também que nem todo mundo pode consumi-lo. O goji não pode ser consumido por gestantes, lactantes, pessoas que fazem uso de medicamentos anticoagulantes e pessoas com problemas de pressão arterial. Todos esses devem evitar ao máximo o consumo do goji.

Mesmo se você não se encaixa nessas categorias, é sempre bom consultar um nutricionista antes de iniciar o consumo do goji ou do seu suplemento, Goji Secca (veja a página do Goji Secca; www.conectiva.com/pt-br/suplementos-pt-br/goji-secca ).

Agora você já conhece tudo sobre o goji berry: para que serve, contraindicações e benefícios reais. Se você deseja emagrecer, não esqueça de adotar hábitos saudáveis de alimentação e atividade física. Só assim os resultados do goji poderão ser vistos em pouco tempo. Aproveite essa dica!